Apresentado na Semagro, projeto de irrigação submersa em Camapuã é o maior do País

O secretário Jaime Verruck recebeu na segunda-feira (11) na Semagro, o produtor Sérgio Petrella e seu filho Bruno, proprietários da Fazenda Luzinha, de Camapuã, onde funciona o maior projeto de irrigação submersa do País, e que já foi apresentado na Semagro pelos empresários da Netafim, empresa israelense de irrigação inteligente, responsável pelo projeto.

 

“É um projeto que é uma referência, e simboliza o que Mato Grosso do Sul busca, que é a intensificação e a melhoria das condições de produção, com tecnologia e inovação”. Afirmou Jaime, lembrando que o projeto já possui as outorgas necessárias e o Estado vem colaborando para sua plena ativação.

 

O projeto de irrigação na Fazenda Luzinha, surgiu após Sérgio implantar com sucesso um sistema de integração lavoura-pecuária na intenção de reformar pastos na propriedade. “Com os resultados decidi buscar projetos de irrigação para intensificar a atividade com ILP na Fazenda, e após visitar vários países conheci o projeto da Netafim que implantamos com investimento aproximado de 8 milhões numa área de trezentos hectares”, explicou.

 

Secretário Jaime recebeu empresário na Semagro

No encontro, Sergio comentou sobre a receptividade do Prefeito Delano Huber, no município, (e que o acompanhou neste encontro) e do Governo do Estado, por parte da Semagro, onde o Secretário Jaime o recebeu junto do Superintendente Rogério Beretta. O produtor também comentou sobre uma apresentação que pretende organizar futuramente na propriedade reunindo produtores interessados na tecnologia.

 

Delano comentou sobre os investimentos de Petrella em Camapuã e a forma como estes agregam valor ao município que tem um modelo de irrigação inédito no Estado.

 

A Netafim, que iniciou suas atividades em Israel nos anos 60, tentando cultivar no deserto do Negev, em condições extremas, combina irrigação inteligente, conhecimento agronômico e inovação para ajudar agricultores a cultivarem mais de qualquer cultura, em qualquer clima, usando menos. Com mais de 4.300 colaboradores, 29 filiais e 17 fábricas em todo o mundo, já irrigou até hoje mais de 10 milhões de hectares de terra, e produziu mais de 150 bilhões de gotejadores para mais de dois milhões de agricultores.