Mais de 2.200 famílias de agricultores familiares serão beneficiadas com obras na MS-258 e 162

Ao autorizar o início das obras de pavimentação em duas importantes rodovias de Sidrolândia: a MS-258, entre os distritos de Capão Seco (Sidrolândia) e Anhanduí (Campo Grande); e a MS-162, entre Sidrolândia e Maracaju, o Governador Reinaldo Azambuja inaugura um novo tempo para agricultores familiares de pelo menos seis assentamentos na região onde vivem mais de 2.200 famílias.

 

Serão alcançados com as obras, os Assentamentos: Eldorado I (622 famílias), Eldorado II (762 famílias), Alambari FAF (203 famílias), Alambari FETAGRI (154 famílias), Alambri CUT (230 famílias), Jibóia (238 famílias).

 

Reivindicação antiga da população, a obra trará benefícios diretos para o escoamento da produção e a atração de novos investimentos na região.

 

A restauração asfáltica e drenagem da MS-162, além de garantir o escoamento da produção, proporcionará melhorias no tráfego nas regiões, atração de investimentos, expansão do turismo e qualidade de vida à população.

 

O asfalto na MS-258 reduzirá em até 100 km o trajeto da produção aos centros de beneficiamento, integrando a rodovia a um corredor formado pela BR-060, BR-163 e ainda a MS-455, MS-162 e MS-466, que demandam a Dois Irmãos do Buriti, Nioaque, Rio Brilhante, Maracaju e Nova Alvorada do Sul.

 

Para o secretário Jaime Verruck, titular da Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro) um dos pontos fundamentais das obras é a integração das regiões, que além de melhorar o escoamento da produção agrícola e trazer mais segurança, significa mais oportunidades de crescimento para as famílias de assentados da região.

 

As obras somam investimentos de R$ 56,6 milhões, provenientes do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento do Sistema Rodoviário do Estado de Mato Grosso do Sul) e recursos ordinários. Elas fazem parte do pacote lançado em janeiro deste ano, que prevê a pavimentação e recuperação de 296 quilômetros de estradas em Mato Grosso do Sul, com um investimento de R$ 376 milhões.

 

De acordo com o governador Reinaldo Azambuja, os investimentos fazem parte de um projeto de integrar regiões. “A reconstrução da MS-162 vai encurtar caminhos em uma região produtora e se tornar uma artéria importante, que integra regiões e gera oportunidades”, disse.

 

Já o secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel, destacou que o Estado investe em eixos de escoamento da produção. “O Estado segue com um grande pacote de investimentos em infraestrutura, com obras para termos eixos adequados de escoamento. São obras que dão mais segurança para vocês produtores”.

Destaques